Servidor de Florestópolis afirma que foi perseguido e atropelado pelo prefeito após derrota eleitoral

0

Quando se trata de eleições municipais, a cidade de Florestópolis é a que mais “pega fogo”. Não existe outra igual na região.

Prova disso, foi o “papelão” que o prefeito realizou com um servidor público na última segunda-feira, 16, um dia após ver sua derrota ser confirmada nas urnas.

De acordo com a vítima, Nelson Junior, seguiu, ameaçou, jogou seu carro contra o dele e passou por cima de seus pés. 

Entramos em contato com o motorista e ele confirmou os fatos e nos relatou brevemente o que aconteceu:

“Eram mais ou menos 22 horas da segunda-feira, quando eu estava indo embora de uma lanchonete com minha esposa e meus filhos dentro do carro, e o prefeito me encontrou com outro carro. Visivelmente alterado, ele desferiu diversas ameaças e jogou seu carro lateralmente contra o meu. Posteriormente, eu parei para ver como estava o veículo e ele voltou tentando me atropelar. Sorte que minha mulher avisou e eu consegui desviar, mas, às marcas do pneu ficaram em meu tênis. Foi por pouco”, finalizou o servidor.

Veja as imagens:

 

Além disso, para piorar, na segunda pela manhã o motorista foi forçado a tirar férias. E em tom de ameaça, o Diretor do Hospital em que ele trabalha, disse que quem votou contra o prefeito seria COBRADO. Ouça:

O servidor vitimado com os ocorridos fez exame de corpo de delito e confeccionou um boletim de ocorrência contra o prefeito. O caso está longe de ter um fim. 

Comentários
Compartilhar.

Os comentários estão desativados.

Importante: Nós usamos cookies para lhe oferecer a melhor experiência em nosso Site. Para saber mais sobre nossas políticas, veja em Política de  Privacidade.

Criado por WP RGPD Pro
×