Mãe de criança com paralisia cerebral fez plástica com dinheiro doado à filha

0

Além do influenciador Igor Viana, suspeito de uma série de crimes relacionados à sua filha de 2 anos, que tem paralisia cerebral, a mãe da criança, Ana de Santi, também está sendo investigada. Enquanto o pai pode responder por maus-tratos e estelionato, a criadora de conteúdos digitais, assim como ele, está sendo acusada de desvio de proventos de pessoas com deficiência. Ela, inclusive, teria usado o dinheiro reunido para tratamento da filha com intervenções estéticas.

De acordo com um perfil na web, destinado a expor golpes da internet, Igor e Ana não possuem mais vínculo afetivo, apenas uma relação conturbada. Não existe processo de guarda e em um acordo firmado entre eles, foi decidido que a criança moraria com o pai. Os dois estariam atuando juntos para se beneficiar das doações destinadas à criança.

A delegada do caso, Aline Lopes, da Polícia Civil de Goiás, também evidenciou que a mãe da menina teria usado dinheiro de doação para fazer intervenções estéticas no corpo. “Há informação de que a mãe teria feito cirurgia plástica com esse dinheiro”, declarou.

A família passou a ser investigada após denúncias de maus-tratos. Segundo as informações anônimas, a menina não estaria sendo bem cuidada, estava sendo negligenciada, além de não possuir boas condições de higiene. Agora, os pais da menina serão intimados a depor para prestar esclarecimentos sobre o caso.

Diante disso, o Conselho Tutelar entrou em cena e levou a criança para ficar sob os cuidados da avó paterna.

As informações são do Portal Léo Dias.

Comentários
Compartilhar.

Os comentários estão desativados.

×