Traição pode ter sido o motivo de crime com ‘caminhonete assassina’ no Paraná

0

A Polícia Civil de Assis Chateaubriand pediu a prisão preventiva do motorista que atropelou e matou o Secretário de Esportes do município, Elder Franzoi Coutinho, nesta quinta-feira (5). O condutor do veículo atropelador, de 34 anos, foi preso em flagrante pela polícia e o delegado responsável pelo caso, Tiago da Silva Teixeira, requisitou ao Poder Judiciário a conversão em prisão preventiva até que as investigações sejam concluídas.

O motorista deve responder por homicídio qualificado, pela morte da vítima, e por duas tentativas de homicídio, já que um adolescente, de 13 anos, e uma criança, de oito anos, foram atingidos pela caminhonete.

Na delegacia, o suspeito permaneceu em silêncio durante todo o interrogatório. Contudo, segundo informações extra-oficiais, o motivo do crime seria uma suposta traição que o autor do crime teria sofrido por parte da vítima.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *