Servidor da prefeitura de Jaguapitã é acusado de receber vantagens financeiras em troca de Alvarás e certidões irregulares

0

Um servidor público da prefeitura municipal de Jaguapitã está sendo investigado pelo Ministério Público acusado de um suposto recebimento de favorecimento financeiro ilegal, a famosa “propina”.

Na manhã desta sexta-feira, 28 de junho, com o apoio da polícia Civil e Militar, ocorreu medidas cautelares de busca e apreensão na casa do servidor e no prédio da prefeitura. Documentos, alvarás, certidões e 01 computador foram apreendidos com o intuito de colher às informações necessárias para a instauração de uma possível ação penal.

Em breve conversa com o promotor de justiça responsável pelo inquérito, Guilherme Larsen Barros, ele informou que o funcionário trabalha no setor de tributos municipal e está sendo investigado por suposta concessão irregular de alvarás de construção e certidões de “habite-se” em troca de vantagens financeiras. O nome do servidor não foi divulgado.

SERVIDOR FOI AFASTADO DA PREFEITURA

Entramos em contato com o secretário de administração do município e ele confirmou que cumprindo decisão judicial o funcionário está afastado por 180 dias.

O pedido pode ser renovado a pedido da autoridade responsável pelo inquérito criminal.

 

Comentários

Os comentários estão desativados.