Júri do caso Juarez é cancelado; Jovem que confessou o crime segue preso

0

Estava marcado para às 13 horas desta sexta-feira, 11 de maio, o tribunal do júri do caso do assassinato do comerciante, ex-morador de Lupionópolis, Juarez. Ele que foi morto com dezenas de facadas nas costas pelo jovem Vitor Alves dos Santos, que confessou o crime e afirmou que mantinha relações sexuais com a vítima desde à adolescência em troca de dinheiro.

Dezenas de pessoas compareceram ao fórum para acompanhar o júri, contudo, ele foi cancelado com pouco mais de uma hora após o horário marcado. O motivo seria um laudo pericial complementar que foi anexado ao processo após o tempo mínimo exigido, que é de 3 dias úteis antes de sua realização. 

Com isso, Vitor Alves dos Santos permanece preso em regime fechado na cadeia pública de Centenário do Sul. Segundo informações, uma nova data será marcada pelo Tribunal de Justiça. Estipulam-se um prazo de no mínimo seis meses para um novo júri ser realizado.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *