Jardim Olinda entra na lista das 39 cidades investigadas por vacinação contra a COVID-19 em pessoas com CPFs de mortos

0

A Comissão Especial de Investigação (CEI) da Assembleia Legislativa que investiga fraudes na fila de imunização contra a COVID-19, apura o caso de 39 cidades do Paraná são alvos de denúncias de pessoas que se vacinaram contra a doença com o CPF de mortos. 

O deputado e presidente da Comissão, Delegado Francischini, conta que a lista tem 99 casos, com 9 já descartados e 90 em investigação. Ele também fala que além dos CPFS de mortos, há outras situações chegando a quase mil denúncias de pessoas que se vacinaram fora do Plano Nacional de Imunização. 

O Delegado garante que se comprovado, os envolvidos nas fraudes vão responder por crimes perante ao Ministério Público e a Polícia. 

O método utilizado pelo Ministério Público para chegar à lista enviada à Comissão, é o cruzamento de dados entre o Sistema Nacional de Imunização, Sistema de Informação de Mortalidade, Sistema de Controle de Óbitos e o Sistema Nacional de Registro Civil. A partir disso foram procuradas inconsistências as quais foram oficiados os municípios. Confira a Lista da cidades:

Um caso
Jardim Olinda
Itapejara D´Oeste
União da Vitória
Piraí do Sul
Kaloré
Cruz Machado
São Pedro do Ivaí
São Jorge do Ivaí
Guarapuava
Santa Tereza do Oeste
Moreira Sales
Tomazina
Loanda
Ipiranga
Entre Rios
Campina Grande do Sul
Ubiratã
Toledo
Francisco Beltrão
Teixeira Soares
Araucária
Rosário do Ivaí
Bandeirantes
Quatro Barras
Lapa
Palmas

Dois casos
Marechal Candido Rondon
Santa Izabel do Oeste
Umuarama
Realeza
Foz do Iguaçu – Um dos “mortos” tomou as duas doses
Tamarana
Jandaia do Sul
Ibiporã
Maringá

Três casos
Cambé
Cambará

Seis casos
Paranaguá – Prefeitura encaminhou documentação esclarecendo que os casos foram erros de digitação

Oito casos
Arapongas

Fonte: Band News

Comentários
Compartilhar.

Os comentários estão desativados.

Importante: Nós usamos cookies para lhe oferecer a melhor experiência em nosso Site. Para saber mais sobre nossas políticas, veja em Política de  Privacidade.

Criado por WP RGPD Pro
×