Em grave acidente, ambulância é arrastada por trem no Paraná

0

Via Massa News

Uma Viatura de Intervenção Rápida do Médico do SIATE se envolveu em um grave acidente na noite desta terça-feira (12) no bairro Cajuru em Curitiba. Ela seguia para uma ocorrência na Rua Rutildo Pulido esquina com a Rua João Tobias de Paiva Netto. Quando a viatura tentava atravessar a Linha Férrea na Rua Sebastião Marcos Luiz foi atingida por uma composição férrea que estava levando vários vagões vazios. A viatura foi arrastada por cerca de 50 metros.

O condutor da ambulância identificado por Vanderlei e a médica do SIATE doutora Beti ficaram feridos porém sem risco de morte, já a enfermeira identificada por Juliana não sofreu ferimentos, porém ficou bastante abalada com o acidente.

No momento em que a viatura se envolveu na colisão já havia outra ambulância do SAMU prestando atendimento ao adolescente de 17 anos identificado por João Maria Lopes Neto. Ele conduzia uma moto pela Rua João Tobias de Paiva Netto  quando um Palio que seguia no sentido contrário, no cruzamento tentou entrar na Rua Rutildo Pulido e colidiu de frente com a moto. A colisão não foi muito forte porém o motociclista foi arremessado e o capacete se soltou da cabeça. Ele acabou colidindo contra alguns blocos de contenção que ficam na calçada e mesmo com todo o trabalho da equipe do SAMU que tentou reanimá-lo ele não resistiu e morreu no local. A condutora do veículo Palio não ficou ferida no acidente.

Os três ocupantes da viatura médica do SIATE foram encaminhados ao Hospital Cajuru e não correm risco de morrer.

Duas testemunhas que conversaram com nossa equipe de reportagem afirmaram não terem ouvido o trem apitando ao chegar no cruzamento da Rua Sebastião Marcos Luiz.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *