Após praticar golpes do “bilhete premiado”, dupla é presa em Florestópolis

0

O “k-suco azedou” para dois golpistas que enganaram duas senhoras e praticaram o famoso golpe do “Bilhete Premiado” na tarde da última quinta-feira, 10 de janeiro, nos municípios de Florestópolis e Porecatu.

Lucas Tavares Rezende, 26 anos e Deiva vargas, 52 anos, foram presos ao saírem de um veículo “Prisma Joy” e adentrarem uma loja com uma das vítimas, em Florestópolis.

A polícia militar constatou vários indicativos criminais em nome da dupla. Lucas Rezende, estava com uma tornozeleira eletrônica coberta com papel alumínio.

Duas vítimas já tinham caído no golpe e repassado uma quantia em dinheiro para eles. Uma em Florestópolis e outra em Porecatu. Uma delas teria dado a quantia de R$ 2.800,00  e outra, porecatuense, R$ 300,00 (via máquina de cartão), em um total de R$ 3.100,00.

A dupla foi detida por estelionato.

O GOLPE

O famoso golpe do “bilhete premiado” apresentou características habituais. A mulher pedia ajuda para a vítima e o rapaz chegava no local fingindo não conhecer a golpista e ser comerciante. Em uma certa altura do campeonato ele diz que um bilhete que a golpista tem em mãos está premiado. Ela, por sua vez, oferece uma quantia alta do prêmio para a vítima, em troca de receber uma quantia em dinheiro de imediato.

Se alguma pessoa da região foi vitimada por essa dupla, entre em contato com à Delegacia de Centenário do Sul, Porecatu ou Jaguapitã.

 

Comentários

Os comentários estão desativados.