Dissecando a flor roxa

0

Logo

Por Adriano de Abreu

Permita-me ser romântico e acreditar no amor.

Não sei exatamente do que se trata o amor, pode ser que ele seja uma invenção do mercado para vender flores em determinada data, uma resposta fisiológica do corpo à estímulos do subconsciente, ou um aparelho social para constituir família, não sei, o fato é que o amor acontece, tal como um fenômeno, o amor romântico transcende a capacidade humana de entender e simplesmente acontece.

É claro que para cada “amor” no mundo, deve existir uma explicação psicológica por trás de todo o enredo, mas vamos encarar a situação como aprendizes da vida que somos, ok?

love3
Baseados em nossa trajetória, podemos assumir que o amor existe e quando acontece, raramente conseguimos explicar. A arte sobrevive desse viés, o amor que nos arremata subitamente e nos deixa sem saída, é tema de músicas, filmes, poemas, pinturas e por aí vai, o tema é muito popular, porque nos identificamos, sabemos que quando acontece é muito difícil de evitar.

Clique aqui para ler o texto completo

______

O Contraventores é um espaço para falarmos sobre a vida e sobre tudo que gostamos nela, ou não.

 

Para saber mais, acesse nosso blog: http://contraventores.com.br/

E curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/contraventores/ 

__________

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *